quarta-feira, 27 de junho de 2012

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver,
Mas o relógio tá de mal comigo.

3 comentários:

Fique mais um segundo... disse...

Oi, Bell, bom dia!!
Esse bandido desse relógio tem o defeito de se adiantar quando estamos com quem queremos... E o defeito pior de quebrar e parar de vez, quando estamos distantes da pessoa...
Alguém diria: "quebra, então, esse raio desse relógio..."
Mas eu não estou falando do relógio de pulso... Estou falando do relógio do coração...
Um beijo carinhoso
Doces sonhos
Lello

Vanessinha disse...

Boa noite BEll, essa frase dessa música é linda...

E sempre que eu quero cantá-la me faz lembrar que o relógio parece sempre de mal comigo...

Lindo blog
Bjos

Kika disse...

Adoroooo essa música!

Beijos.

Kika/Acessarte.

www.blogacessarte.blogspot.com
www.acessarte.com (loja virtual)